Estudante do CECB está na equipe brasileira de ginástica rítmica

Estudante do CECB representará o Brasil no Mundial Juvenil e no Pan-Americano de ginástica rítmica

Ana Luísa Passos Neiva, 14 anos, estudante do 1° ano do ensino médio do Centro Educacional Católica de Brasília (CECB), foi selecionada para compor a equipe que representará o Brasil no Mundial Juvenil e no Pan-Americano de Ginástica Rítmica.

Única brasiliense entre as integrantes para a seleção brasileira juvenil, Ana Luísa comenta com entusiasmo a responsabilidade de representar o país na modalidade. “Fiquei muito animada. Agora, a responsabilidade é maior ainda. Não represento só a Católica ou Brasília, mas o Brasil”, afirma.

A seletiva, realizada em São Paulo, escolheu quatro atletas das categoria individual e conjunto para as primeiras competições do ano: o Campeonato Mundial Juvenil, que acontecerá em Moscou, na Rússia, entre 19 e 21 de julho; e o Pan-Americano da modalidade, previsto para o mês de junho.

Ana Luiza iniciou o esporte no CECB, aos três anos de idade, e hoje integra a equipe de ginástica rítmica do clube Cassab.

“Estou muito feliz.”, comemora a estudante que iniciou o esporte no CECB aos três anos de idade. Ana Luísa integra a equipe de ginástica rítmica do clube Cassab, instituição que tem apoio do Banco Regional de Brasília (BRB).

Com uma rotina quase diária de treinos, Ana Luísa conta que pratica o esporte cinco horas por dia e que tem se esforçado para obter um “bom desempenho nas competições”, comenta.

Incentivo

Com orgulho, a estudante conta o apoio que recebeu da escola e relembra a dedicação dos pais que se esforçaram para garantir sua participação em seletivas e nas competições.

“O apoio dos meus pais é essencial. Como não temos patrocínio, são eles que bancam tudo. Às vezes temos muitas viagens e a Católica tem apoiado bastante e, com isso, tenho conseguido acompanhar a turma”, afirma a ginasta.

A diretora-geral do CECB, profa. Maria Ireneuda de Souza, comemora o resultado da estudante na seletiva e destaca o desenvolvimento de grandes talentos esportivos na instituição.

“Estamos muito orgulhosos. Aqui, muitos talentos cresceram timidamente e chegaram ao ápice de grandes competições internacionais. Um exemplo é a Ana Luisa, que está conosco há mais de 10 anos e hoje está na Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica Individual”, ressalta a diretora.

Paixão pelo esporte

"Agora, a responsabilidade é maior ainda”, afirma Ana Luiza.

A estudante sonha em participar das olimpíadas representando o país e, para ela, “poder participar do Mundial já é incrível”.

Para a técnica, Kely Espínola, a atleta possui todos os requisitos para alcançar uma olimpíada: “Ela é muito dedicada e tem todas as qualidades para se tornar uma atleta olímpica”.

Fã de Yana Kudryavtseva, atleta russa de ginástica rítmica, Ana Luzia se inspira e garante: “tem o movimento perfeito”.

 

Comunicação UBEC – Carol Lira (com informações da Assessoria de Imprensa/CASSAB).